Sopro 91 – O clima da história

Sopro 91

 

Sopro 91
(jul/2013)

O clima da história: quatro teses
(Dipesh Chakrabarty)

“Conforme ganha terreno a ideia de que os graves riscos ambientais do aquecimento global estão relacionados com o excesso de gases de efeito estufa acumulados na atmosfera, resultantes principalmente da queima de combustível fóssil e da pecuária industrial para consumo dos seres humanos, surgiram na esfera pública algumas proposições científicas que têm implicações profundas, e até transformadoras, em nossa maneira de pensar sobre a história humana ou sobre aquilo que, recentemente, o historiador C. A. Bayly chamou de ‘o nascimento do mundo moderno’. De fato, o que os cientistas têm dito sobre a mudança climática põe em questão não só as ideias sobre o humano que usualmente dão sustentação à disciplina da história, mas também as estratégias analíticas que os historiadores pós-coloniais e pós-imperiais têm utilizado nos últimos vinte anos, em resposta ao quadro de descolonização e globalização do pós-guerra”  [ Continuar lendo>>> ]

Outros textos publicados no SOPRO sobre a catástrofe ambiental em curso:

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s